Entrada
Aos trabalhadores da Junta de Freguesia de Campolide Versão para impressão Enviar por E-mail
Quinta, 19 Janeiro 2017 09:47

imagem de capa JF CampolideDando seguimento à discussão sobre o Caderno Reivindicativo entregue a 13 de Maio de 2016 pelo STML ao Presidente da Junta de Campolide, o Sindicato reuniu a 18 de Janeiro do corrente ano com o Executivo, representado nesta última reunião pelo Tesoureiro Dr. Duarte Sapeira e pela Assessora do Presidente, a Dra. Rita Barrocas. Damos conta dos assuntos debatidos, informações e compromissos assumidos pela Junta de Campolide.

Assim,

1. A Junta afirmou claramente o fim da "rotatividade" entre locais de trabalho (entre os Postos da Serafina e de Campolide), matéria que inclusive deu origem a um abaixo-assinado subscrito pela imensa maioria dos trabalhadores. O STML congratula-se com esta decisão, esperando todavia que a mesma tenha efeitos práticos efetivos.

2. Sobre o pagamento de todos os montantes remuneratórios aos trabalhadores acidentados, incluindo a média do trabalho extraordinário realizado no período precedente ao acidente, irão avaliar pelo seu Gabinete Jurídico a sua possibilidade, comprometendo-se o Sindicato a enviar, uma vez mais, todos os pareceres jurídicos que vão de encontro às reivindicações dos trabalhadores e do próprio Sindicato.

Continuar...
 
Aos Trabalhadores do Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC) Versão para impressão Enviar por E-mail
Terça, 17 Janeiro 2017 12:47

proteccao CivilFace aos acontecimentos que têm marcado as últimas semanas os trabalhadores e os serviços de Proteção Civil envolvendo processos inesperados de mudança de instalações, importa ressalvar o seguinte:

1) Valorizar a união dos trabalhadores que de forma organizada e determinada conseguiram inverter um processo que a CML procurou impor sem medir consequências, desvalorizando inclusive o conhecimento altamente especializado de quem tornou o SMPC num serviço essencial à segurança da cidade e da sua população;

2) Valorizar termos conseguido evitar a implementação do plano inicial da CML que passava por espartilhar pela cidade de Lisboa os vários serviços da SMPC cuja eficácia depende em grande medida da sua concentração num mesmo local;

3) Conseguiu-se assim, pela força dos trabalhadores e Sindicato, manter no mesmo espaço físico o SMPC, localização que, claro está, é da exclusiva competência da CML;

Continuar...
 
Teatro Municipal Joaquim Benite Versão para impressão Enviar por E-mail
Terça, 10 Janeiro 2017 14:00

Teatro Municipal Joaquim BeniteNo âmbito do protocolo celebrado entre os Sindicatos filiados na CGTP-IN e a Companhia de Teatro de Almada, os associados do STML usufruem de descontos na compra de bilhetes, quando em grupo, para peças em cena no Teatro Municipal Joaquim Benite.

Poderão consulta o programa integral no link abaixo: 

http://www.ctalmada.pt/programação_2017_final.pdf


A programação inclui ainda 15 espectáculos de teatro para a infância, quatro exposições de Artes Plásticas, e 11 espectáculos de teatro em acolhimento. O cartão do Clube de Amigos do TMJB, que conta com cerca de seis centenas de membros, dá direito a entrada gratuita nos espectáculos da CTA, e desconto de 50% em todos os espectáculos acolhidos.

 

Destacamos a peça que estará em cena de 13 a 29 de Janeiro, "Noite da Liberdade".

Existirá também nestas datas uma panóplia de conferências abertas ao público com várias personalidades, das mais variadas áreas, para debate sobre os valores da Democracia na Europa.

 

Peca Noite de Liberdade

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

logo stml 16

 
Confederação de reformados pede alteração das regras de atualização de pensões Versão para impressão Enviar por E-mail
Quinta, 29 Dezembro 2016 09:49

MURPI-pensoesDinheiro Vivo / Lusa – 27-12-2016


Confederação Nacional de Reformados, Pensionistas e Idosos/MURPI defende que as regras em vigor "são desadequadas e injustas". Num comunicado divulgado esta terça-feira, o MURPI sustenta que as regras de atualização anual de pensões "são desadequadas e injustas" e que, embora a atualização de 0,5% do valor, para 2017, contemple mais pensões, as de montante até 844 euros, ela é "insuficiente e penalizadora".

 

Veja mais em:

https://www.dinheirovivo.pt/lusa/confederacao-reformados-pede-alteracao-das-regras-atualizacao-pensoes/#sthash.GECZnNty.dpuf

 

logo stml 16

Inter reformados